Chip malicioso: teoria da conspiração?

Um ex-expião da CIA, Robert Eringer, escreveu um artigo a dizer que a China está a colocar chips cavalos de Tróia nos chips "normais" que são inseridos nos PCs comerciais "normais". Esses chips poderiam ser controlados remotamente para diversos fins.

Cheira a teoria da conspiração, mas não é impossível e a tentação é óbvia. Sob o ponto de vista técnico há uma série de questões interessantes. Não é evidente como é que um chip colocado dentro da memória ou até do CPU pode ser contactado a partir da rede. Se o objectivo for roubar informação, não é claro como é que pode ler o disco a partir de um chip (para aceder ao disco é preciso ter drivers que são software várias camadas de abstracção acima doo hardware). Etc.

O artigo no Daily Artisan:
AND NOW THE MANCHURIAN MICROCHIP