DIAP arquiva queixa contra partilha de ficheiros

DIAP arquiva queixa contra partilha de ficheiros por ser "impossível" identificar responsáveis 
Público

O Departamento de Investigação e Acção Penal de Lisboa arquivou uma queixa da Associação do Comércio Audiovisual, Obras Culturais e de Entretenimento de Portugal por partilha de ficheiros na Internet, por considerar ser "impossível" identificar os responsáveis. A associação vai pedir a nulidade do despacho, por considerar que "nem sequer houve inquérito", e a Sociedade Portuguesa de Autores diz-se "perplexa", afirmando que "não vai ficar de braços cruzados".

Notícia completa e despacho do DIAP no site do Público